Inspiração

  • Looks com tênis de academia

    Nat Blima | 31 de outubro de 2019

    Esse post esta cheinho de looks com tênis de academia e tem como objetivo te ajudar a tirar o tênis esportivo do ambiente de malhação e inserí-lo em looks casuais, que você já usa no seu dia a dia. Bora lá?

    Não sei se vocês, assim como eu, ficam de mau humor quando estão desconfortáveis, hahaha! Conforto é uma das características que eu mais prezo quando vou me vestir! E muito do conforto está no sapato, né migs? Ninguém merece sapato machucando quando estamos na correria da rotina!

    Fazem anos que o tênis entrou em nossa vida para ficar, GRAÇAS A DEUS! E existem ocasiões que a gente vai andar TANTO, mas TAAAANTO, que só o tênis de academia salva!

    Como usar looks com tênis de academia

    Finalmente agora atualmente já temos opções de roupas de academia que são tão bem arrumadas e estilosas, que podemos usá-las nos nossos compromissos do dia sem causar nenhuma estranheza!

    Mas o post de hoje é focado em você que quer usar suas roupas casuais com tênis esportivo. Então separei aqui algumas sugestões pra deixar o look mais arrumadinho, sem parecer que a qualquer momento você vai começar a fazer uma série de agachamentos, hahaha!

    Tênis de academia com calça apertadinha

    Looks com tênis de academia

    Buscando inspirações, notei que a maioria dos looks que me agradavam eram compostos de calças mais justas ao corpo. Pode ser desde uma calça skinny jeans preta básica até uma legging de couro! Lembrando que quanto mais texturas, acabamentos, cortes e cores diferentes, mais chances do look sair do óbvio!

    A cor do tênis também importa! É claro que, se você for mais basiquinha, não faz sentido usar um tênis laranja neon… Mas ele faria toda a diferença caso você quisesse usar a peça como ponto de cor do look. Olha só como o tênis colorido ficou incrível na produção all-black da inspiração 😉

    Tênis esportivo com blazer

    tênis de academia com blazer

    Primeiramente preciso dizer que, pra mim, o blazer, ou qualquer peça em alfaiataria, é o segredo para deixar mais chiquetoso e alinhado QUALQUER LOOK da face da terra!

    Assim, é claro que ele não poderia ficar de fora desse post! Vejam as inspirações acima. Não dá vontade de ir pro escritório desse modo amanhã?

    E também é possível usar blazer no calor desde que você se atente para a escolha de tecidos. Composições naturais, como algodão e linho, tendem a ser mais fresquinhas.

    Tênis de performance com acessórios

    tênis de academia com acessórios

    Já colocamos nossa calça apertadinha no corpo e o nosso blazer belíssimo. E agora? O que fazer para deixar esse look ainda mais descolado e fashionista? Capriche nos acessórios!

    Os acessórios dão um up instantâneo em qualquer look. Então acrescentar um colar, cachecol, brincão, gorro, bolsa etc, pode dar um polimento à pordução e finalizá-la com chave de ouro!

    O que é esse tênis vermelhão combinando com a calça da mesma cor? Meu Deus, amei demais! Perfeito para um aerolook ou para usar durante uma viagem <3

    Outras opções de looks com tênis de academia

    Looks casuais com tênis esportivo

    Aqui temos alguns outros estilos que eu gostei bastantão também! Dá super pra usar o tênis de academia com mom jeans (aliás, acho que é o jeito que eu mais tenho usado atualmente!). O detalhe da barra dobrada, pra mim, é fundamental!

    Eu não sou de usar peças curtas, contudo amei essa segunda opção! Combinar o tênis (ou qualquer sapato) com a cor da peça de cima é um ótima dica para acrescentar mais cor aos looks do dia a dia de uma maneira simples e efetiva!

    Um conselho que sempre tenho em mente é: Se fica bom com scarpin, é provável que fique bom com tênis de academia, hahaha!

    Atualmente não temos muitas regras na hora de se vestir (na verdade nunca tivemos, né migs?), então o que vale é você usar peças que te agradem e que façam você SE SENTIR VOCÊ!

  • Como usar roupa social fora do ambiente de trabalho – 3 dicas valiosas!

    Nat Blima | 16 de outubro de 2019

    Hoje vou dar três dicas valiosas de como usar roupa social fora do ambiente de trabalho. Vem comeeego?

    Eu trabalhei, durante alguns anos, em uma empresa onde a roupa formal era mandatória. Logo, meu guarda roupa era composto quase que 80% por peças sociais.

    Com o tempo, fui desenvolvendo alguns truquinhos para transformar o look de trabalho em algo mais casual. Dessa forma eu conseguia maximizar o uso das peças do meu armário. Inclusive até já fiz um post dando dicas para multiplicar seu guarda-roupa e usar melhor o que voce já tem!

    Então hoje, ao invés de simplesmente contar pra vocês como usar roupa social fora do ambiente de trabalho, vou mostrar NA PRÁTICA como foi que eu transformei uma produção feita para o ambiente de trabalho em algo mais casual. O look a ser transformado é este aqui abaixo:

    look descolado para o trabalho com blusa listrada

    Uma calça de alfaiataria azul marinho e uma blusa listrada com tecido mais refinado – esta é a base da produção que irá se manter da mesma forma até o final do post. É provável, inclusive, que você tenha uma base parecida no seu próprio guarda-roupa. Vamos mudar, ou acrescentar, apenas alguns elementos que farão toda a diferença na transição do look de trabalho pro look do dia a dia.

    Como usar roupa social fora do ambiente de trabalho

    A ideia do post é você pegar as dicas principais e aplicá-las da forma como achar mais conveniente, já que elas funcionam não só juntas como também individualmente.

    DICA 1: Inclua uma peça Jeans

    Como usar roupa social fora do ambiente de trabalho look descolado
    bandana no cabelo e batom vermelho

    O Jeans, com toda a certeza é uma das peças mais casuais de qualquer guarda-roupa! Então, quando inserimos esse tecido em um look mais formal, ele automaticamente ‘desformaliza’ a produção.

    Então você pode usar sua camisa de trabalho com uma calça jeans feminina, uma blusa jeans com uma pantacourt ou até mesmo colocar uma jaqueta jeans por cima do look de trabalho, como eu fiz. O importante é ter criatividade e se arriscar!

    DICA 2: Troque o sapato social por um tênis

    Como usar roupa social fora do ambiente de trabalho tênis vermelho de verniz

    O tênis raramente combina com um ambiente de trabalho formal, então quando você troca o sapato social mais arrumadinho por um tênis descolado, o efeito casual é instantâneo.

    E o tênis não precisa ser, primordialmente, tão chamativo como o meu, hahaha! Um tênis classiquinho branco certamente dará conta do recado 😉

    DICA 3: Capriche nos acessórios

    batom vermelho, óculos aviador e lenço amarrado na cabeça
    Como usar roupa social fora do ambiente de trabalho bomber jeans

    Quer saber como dar um up instantâneo em qualquer look? Pois use e abuse dos acessórios! Estes são as armas mais poderosas que nós temos para modificar qualquer look!

    Na produção de exemplo, além do tênis vermelhão de verniz, também usei um batom vermelho chamativo, óculos aviador e um lenço amarrado no cabelo. Percebem como essas elementos foram usados com a finalidade de trazer mais informação de moda e contribuíram para deixar o look menos formal?


    Tem mais dicas para transformar o look de trabalho? Conta pra gente nos comentários!

  • Combinações de cores para o Verão 2020 – 5 opções

    Nat Blima | 30 de setembro de 2019

    Bora ver, na prática, como fazer combinações de cores para o Verão 2020?

    A WGSN, empresa líder mundial de previsão de tendências, em parceria com a Coloro, há muito disseram que a cor de 2020 seria a Neo Mint, esse verdinho menta aqui abaixo.

    E como uma só cor não faz verão (HÁ!), logo em seguida eles nos apresentaram essas belezinhas:

    (WGSN/Reprodução)

    Mais 4 cores se juntaram ao Neo Mint como tendências para o ano! São elas: Purist Blue, Cassis, Cantaloupe e Mellow Yellow. Quanta cor linda pra gente combinar, né não?

    E como já conversamos lá no post com dicas para multiplicar seu guarda-roupa, eu estou tentando não só usar mais cores no meu dia a dia, como também combinar cor com cor de uma forma interessante.

    Sendo assim, resolvi usar meu blog para benefício próprio e já vou listar aqui as 5 combinações de cores para o Verão 2020 que quero fazer.

    Combinações de cores para o Verão 2020

    É claro que nem toda combinação de cores proposta abaixo esta dentro de todas as cartelas de cores pessoais (não sabe do que eu tô falando? Então dá uma olhada no post que explica como funciona uma analise de coloração pessoal). Porém este post foi escrito com o intuito de sermos FASHION FEAT. OUSADA, não, necessariamente, linda e sem olheiras, hahahaha!

    Na verdade a parte mais difícil de se colocar em prática desse post é ter TANTA PEÇA COLORIDA no armário! Normalmente a gente prefere investir nos neutros, pois nos possibilitam mais combinações de cores. MAS ATENÇÃO AO ALERTA ABAIXO:

    🚨🚨🚨ALERTA🚨🚨🚨
    SEM DÚVIDA VOCÊ SAIRÁ DESSE POST QUERENDO COMPRAR UMA PEÇA NEO MINT!

    Recado dado. Agora bora pras combinações de cores para o Verão 2020!

    Neo Mint com Roxo ou Pink

    Na verdade todo esse post começou depois que eu vi essa combinação numa foto no Facebook e decidi que precisava de mais referências.

    É SURREAL como essas duas cores combinam, gente! Tô louca pra usar!

    Combinações de cores para o Verão 2020

    A foto que vi foi, justamente, essa primeira da moça com o sapato pink e a produção monocromática! Tá linda demais, viu moça?

    Neo Mint com Verde

    Parece óbvio, MAS NÃO É!

    Combinações de cores para o Verão 2020

    Fala sério se não é uma combinação CHIQUÉRRIMA e fácil de fazer! Imagina esse último look com uma sandália vermelha ao invés da preta? AFFFFFF…

    E assim, vou parar de falar do Neo Mint porque, sinceramente, NEO MINT É O NOVO PRETO! ELE COMBINA COM TUDO GENTEEEE! Vai com Laranja, Vermelho, Azul… Difícil dizer uma cor que não fique boa com esse bebê menta!

    PEÇAS EM NEO MINT

    Cassis com Vermelho

    Simplesmente tire alguns momentos para apreciar essa obra de arte de combinação de cores abaixo:

    O Vermelho e o Cassis são da mesma família de cores, que se combinam analogamente. Desse modo não tinha como dar errado!

    Mellow Yellow com Azul

    Tô me achando super trendsetter com esse post, viu? Pois a partir daqui eu ralei pra encontrar imagens de inspiração no Pinterest. Inventei as combinações na minha cabeça, mas o mundo fashion ainda não colocou tanto em execução.

    Pra essa combinação penso que a cor secundária ficaria mais interessante se usada, sobretudo, num acessório ou detalhe na produção do que em peças de roupa em Color Blocking.

    Outra referência que salvei foi com Jeans. O Jeans é quase neutro, salvo exceções. Portanto ele abraça mais facilmente as outras cores. Assim, caso você não queira ousar tanto, qualquer cor combinada com jeans vai ficar menos gritante aos olhos.

    Cantaloupe com Vinho

    Essa combinação foi, certamente, a mais difícil de encontrar alguma referência. Só encontrei esse lookinho abaixo, onde o vinho é usado na bolsa.

    E, bem como na combinação acima, acredito que esta também funciona melhor quando feita em detalhes na produção, não em grandes blocos de cor.

    Peças para fazer as combinações de cores para o Verão 2020


    Agora me conta, qual dessas combinações de cores para o Verão 2020 você gostou mais?

  • Diferentes formas de usar camisa

    Nat Blima | 30 de agosto de 2019

    Já sabemos que a camisa feminina é item básico no armário de muitas de nós, certo? Eu particularmente gosto bastante e uso demais não só os modelos mais básicos, como a boa e velha camisa branca, mas também modelos com estampas, tecidos ou modelagens mais diferentonas.

    Antes de mais nada, é preciso dizer que foi-se o tempo que a camisa era um peça que transitava somente em ambientes mais formais e/ou de trabalho. Se você ainda pensa assim, migs, certamente está mais do que na hora de rever seus conceitos!

    Truques de Styling com camisa

    O objetivo desse post é abrir a nossa mente para as possibilidades de looks e stylings que as camisas nos dão. Vou reunir aqui algumas dicas para usar camisa de maneiras um tico fora do convencional e, assim, versatilizar essa peça tão querida!

    Camisa com nó

    como fazer mix de estampas para iniciantes
    como fazer mix de estampas vichy com bolinhas

    Com um nózinho nas pontinhas, a camisa vira quase que instantaneamente uma peça casual. Acho que esse truque deixa a produção mais feminina e despojada, sem contar que é MEGA FÁCIL de se fazer, né? Praticamente zero esforço, hahaha!

    Aliás, esse look tá com uma mistura de estampas bem lindona, né? Aqui no Blah!Blog tem post ensinando como fazer mix de estampas (nível iniciante!). Vale a pena o clique!

    Camisa como casaquinho

    Taí uma forma simples de multiplicar o uso das camisas no seu dia a dia. Se considerarmos que toda camisa pode ser um potencial casaquinho, imagina só quantas novas peças é provável que você descubra que tem?

    E, olha só que legal, a mesma camisa vermelha que usei nas fotos acima com nózinho e fechada, usei abaixo como casaquinho!

    Pode ser que nem toda camisa, quando usada aberta, se transforme num casaquinho legal. Ou seja, você precisa testar pra saber!

    A dica geral seria usar camisas com tecidos mais grossos como casaquinhos no inverno e usar as com tecido mais finos como uma terceira peça levinha quando o clima estiver mais quente.

    Camisa amarrada na cintura

    Tem alguma camisa jeans ou camisa de flanela dando sopa no seu armário ou no armário do boy? Então saiba que esses dois modelos ficam ótimos quando amarrados na cintura!

    A camisa amarrada na cintura não só dá um toque despojado e estilosinho pro look como também marca a cintura, deixando a silhueta mais proporcional.

    Camisa fechada até o último botão

    Esse truque de styling com camisa é, sem dúvida, capaz de deixar qualquer produção mais arrumadinha e elegante!

    Eu também acho que o look fica mais fashionista com a camisa fechada até a gola, vocês concordam? Pode ser que nas primeiras vezes você estranhe um pouco (eu estranhei!), pois não estamos acostumadas a usar a gola abotoada. Mas persista no truque, porque ele pode fazer toda diferença!

    Sobreposição com camisa

    Sim, migs! Certamente você pode usar a sua camisa por baixo de outras peças, como vestidos, blusas, macacões e o que mais a sua imaginação permitir.

    Aliás, fazer sobreposição também é uma ótima maneira de usar vestidos de verão no inverno ou em tempos mais gelados.

    alguns modelos lindões:


    Por acaso você tem outras dicas de como versatilizar o uso da camisa? Então deixe aqui nos comentários, migs! Quem sabe não rola uma parte 2 desse post?

  • Como usar calça clochard

    Nat Blima | 19 de agosto de 2019

    Como usar calça clochard? Taí uma pergunta que já recebi algumas vezes por DM lá no insta… Então hoje resolvi elencar nesse post quais são minhas maneiras favoritas de usar a peça e como você pode não só se inspirar nas sugestões como também usar essa tendência no seu dia a dia!

    Os dois principais pontos que caracterizam a calça clochard é a cintura super alta e o franzidinho que o cinto ou a faixa (que normalmente acompanham a peça) deixam na marcação da cintura.

    por onde começar a usar calça clochard?

    Se você ainda não tem uma clochard, recomendo que comece por um modelo mais básico, sem muitos detalhes. Procure uma cor que você já esteja acostumada a usar, a fim de que seja mais fácil combinar a calça com outras peças que você tenha.

    Pra te ajudar, separei abaixo alguns modelos que considero ótimas opções para iniciantes:
    Opção 1
    Opção 2
    Opção 3

    Eu tenho dois modelos de Calça Chochard, uma verde militar e outra preta. Comprei primeiro a verde e usei MUITO MAIS do que imaginava. A princípio pensei que seria um modelo mais difícil de combinar, por conta da cor e do corte. Entretanto, em pouco tempo, a tonalidade acabou virando uma cor básica e, com alguns truquinhos simples, incorporei a calça em várias produções. Gostei tanto que, alguns meses depois, adquiri a peça em outra cor!

    O modelinho verde já apareceu por aqui no post onde eu ensino como escolher a roupa certa para cada ocasião.

    dicas de como usar calça clochard

    Antes de mais nada é importante dizer que a calça clochard talvez não seja o modelo mais feminino entre todas as calças ou que deixe o corpo com proporções agradáveis aos olhos. Então, se é importante pra você aparentar ser mais magra, por exemplo, pode ser que outro modelo de calça contribua mais com suas preferências.

    Nos meus looks eu gosto bastante de transmitir modernidade, estilo e conforto. E pra mim esse modelo atende todos esses requisitos! Abaixo dou algumas dicas de styling de como usar calça clochard.

    marque a cintura altíssima

    Sim, miga! A calça Clochard foi feita pra ser usada na cintura altíssima, ou seja, pra cima do umbigo! O ideal é marcar a nossa “cintura mais fina”, para que consigamos o efeito “franzidinho” da peça.

    Se você usar mais pra baixo, em cima do umbigo ou as vezes até abaixo, vai acabar criando um volume na região da barriga, dado o acúmulo de tecido que deveria estar mais esticado. Sem contar que a parte franzidinha, que marcaria a cintura, não vai ficar tão franzida assim, visto que normalmente a gente é maior na região do umbigo do que acima dele.

    dobre a barra da calça

    A dica é simples, mas o look fica inegavelmente mais descolado com a barra dobrada. E, por deixar a canela à mostra, a gente também consegue dar mais destaque pro sapato.

    Como usar Calça Clochard

    misture cores não óbvias

    Vimos anteriormente, no post com Dicas para multiplicar seu guarda-roupa, como misturar cor com cor facilita a vida de quem quer se vestir com mais estilo. Decerto que seguir o mesmo princípio nos ajuda a ter novas ideias de como usar calça clochard.

    Então se você é mais ousada e quer apostar numa Calça Clochard Colorida, use o círculo cromático a seu favor e faça combinações mil! Olhem só que inspirações maravilhosas:

    alguns modelinhos legais:


    Depois desse post, e de tanta inspiração linda, quero ver todo mundo usando Calça Clochard, hein? Se usar (e tirar uma fotico), me marca lá no insta, BB! Vou amar curtir seus looks por lá <3

  • Marie Kondo na prática – o Antes e Depois da minha casa

    Nat Blima | 29 de janeiro de 2019

    No post de hoje vamos conversar sobre como funciona a metodologia de organização de Marie Kondo na prática. Será que realmente dá certo?

    Marie Kondo ficou mundialmente conhecida desde o lançamento de seu best seller “A Mágica da Arrumação“, livro que ajudou milhões de pessoas a encontrarem a felicidade através da organização.

    Apesar de já ter ouvido falar da fada Marie, eu nunca tinha pesquisado a fundo sua metodologia nem sabia quais eram suas dicas mais famosas. Até que a Netflix lançou a série “Ordem na Casa com Marie Kondo” e eu fui inesperadamente possuída pelo espírito “KonMari” e comecei a arrumar cada canto do meu lar.

    Marie Kondo na prática

    Antes de tudo, preciso dizer que não segui exatamente a ordem de arrumação que Kondozinha propõe. Entretanto as dicas de Marie funcionaram muito bem lá em casa, como vocês podem ver no vídeo abaixo, com direito a Antes e Depois:

    É impressionante como a gente otimiza o ato de se vestir simplesmente porque fez uma dobra diferente na roupa!

    Assistindo a série e testando o método KonMari na prática, consegui extrair algumas lições e vou compartilhá-las com vocês:

    1) Defina um lugar específico para cada coisa

    É importante que cada coisa na sua casa tenha um lugar específico para estar. Principalmente aquelas coisas que acabam sendo jogadas e nunca mais encontradas quando você mais precisa, sabe? Por exemplo pen drive, caneta, guarda-chuva, adaptadores de tomada etc.

    Quando cada coisa tem sua casinha, fica muito mais fácil não só encontrá-las, como também prevenir que se percam novamente. A organização também dura muito mais tempo dessa forma!

    2) Você precisa visualizar tudo que tem

    Uma vez que você consegue visualizar todas as suas coisas, fica muito mais fácil decidir o que fica e o que vai.

    Organizando a casa seguindo as dicas de Marie Kondo

    Na hora de se vestir, se você consegue visualizar tudo que tem, é provável que as suas roupas serão muito melhor utilizadas e isso reflita diretamente no seu estilo pessoal.

    Eu mesma, depois que organizei o closet, consegui fazer combinações que antes nem tinha pensado, simplesmente porque agora estava muito mais fácil visualizar minhas peças juntas.P

    3) A felicidade deve ser um fator decisor

    Simples assim! Você pega aquele objeto na mão e pensa: “Isso me traz alegria?” Se a resposta for não, agradece e deixa ir.

    Talvez essa seja a maior lição que Marie Kondo tenha nos deixado. Afinal a dica serve não só pra organização da casa, mas também pra organização da vida!

    PRODUTINHOS QUE NOS AJUDAM A ORGANIZAR A CASA

    * O Blah!Blog recebe uma comissão por cada compra que você faz através da vitrine acima. E agrade muito!

  • Corte de cabelo curto feminino (antes e depois)

    Nat Blima | 26 de setembro de 2018

    Tô tão orgulhosa de finalmente fazer o post contando sobre o meu corte de cabelo curto, miiiiigas! Estou deixando o cabelo crescer desde que virei morena iluminada no ano passado e agora chegou a hora de mostrar pra vocês mais uma mudança no visual. Bora lá?

    corte de cabelo curto feminino

    Antes de tudo é importante dizer que as últimas 3 vezes que mexi no meu cabelo foi com o Giovani Perinelli, um profissional mega capacitado que tem um espaço incrível aqui em Santo André.

    Sabe quando você senta na cadeira do salão e tem a tranquilidade de saber que, com toda a certeza, seu cabelo vai ficar do jeito que você quer? Então, é isso que o Giovani e a equipe do Studio Color proporcionam, hahaha! Vou deixar mais detalhes sobre o salão no fim desse post.

    Corte de cabelo curto

    Vou ser bem sincera – eu não estava nem um pouco apreensiva para fazer esse corte de cabelo curto. Quero cortar o cabelo há tanto tempo dessa maneira que eu nem estranhei. Já tinha preparado meu psicológico pra isso, sabem?

    Como foi um dia bastante especial e divertido na minha vida, fiz um vlog mostrando todos os detalhes e o antes e depois em vídeo. Vou deixar mais fotos da transformação aqui embaixo no post também!

    Mudei bastante, né?

    Sobre o corte e cor

    O corte tem uma base reta, mas com um leve bico na parte da frente. Fizemos algumas camadas nas pontas, para dar leveza e movimento ao cabelo.

    cabelo curto feminino inspirações

    Também escurecemos as luzes. Uma vez que o cabelo estava bem claro, precisamos usar um pré pigmento antes, para devolver cor pros fios. Em seguida viemos com o tonalizante da cor que eu queria. O resultado ficou super suave e natural!

    Antes e Depois

    Agora algumas fotinhos de antes e depois pra vocês:

    corte de cabelo curto antes e depois corte de cabelo curto antes e depois corte de cabelo curto antes e depois

    Como comentei, cortei o meu cabelo para doar. Então, em breve, farei um post contando todos os detalhes sobre isso, já que sei que muitas pessoas tem vontade de fazer uma doação, mas não sabem como.

    Sobre o salão Studio Color

    Endereço: Rua Rejente Feijó, 411. Vila Assunção – Santo André / SP
    Telefone: 2379-6379
    Preço das mechas: Varia bastante, mas dificilmente passa de R$400.

    corte de cabelo curto para doação

    Por fim, curtiram a mudança radical?

  • Como usar vestidos de verão no inverno – 5 dicas práticas!

    Nat Blima | 8 de agosto de 2018

    Hoje vamos ver, na prática, como usar vestidos de verão no inverno e, assim, maximizar as opções do nosso guarda-roupa e deixá-lo muito mais inteligente e versátil. Bora?

    Look com vestido listrado colorido, sapato abotinado e bolsa metalizada de coração

    Como usar vestidos de verão no inverno

    As 5 dicas de como usar vestidos de verão no inverno são focadas naqueles vestidos mais sóbrios, com estampas discretas. Talvez não funcionem tão bem para vestidos fluidos, de cores claras e/ou com estampas muito alegres (um floral grande de fundo pastel, por exemplo), sabem?

    Mas, como tudo na vida, nada como colocar em prática pra ver se dá certo ou não! Sendo assim, seguem as dicas:

    1) Use com sapatos mais fechados e pesados

    As peças de verão normalmente são mais levinhas e abertas, então uma maneira bacana de quebrar essa delicadeza e deixar o look mais invernal é usar o vestido com um calçado mais fechado e pesado.

    sapato abotinado preto de camurça brinco de argola diferente

    Combina bem com tênis, botinhas, sapatos abotinados ou modelos que tenham a sola tratorada. Amo usar também com aqueles oxfords de salto grosso, sabem?

    2) Aposte em tecidos e materiais mais invernais

    Tecidos como tricot, veludo e lã, ou qualquer material mais pesadinho (couro, por exemplo), tem uma carinha de inverno e com certeza vão trazer essa informação pro look. Esse tecido/material pode estar num acessório (sapato, bolsa, cinto) ou até mesmo em uma 2ª peça.

    3) Acrescente uma segunda peça

    Pense em como uma jaqueta, um lenço ou cachecol, um colete, ou qualquer outra segunda peça que você consiga imaginar, podem te ajudar na missão de como usar vestidos de verão no inverno.

    como usar vestido de verão no inverno como usar vestidos de verão no inverno

    No caso do look que ilustra esse post, usei uma blusa de tricotzinho por cima do vestido, colocando em prática a dica 2 e 3 ao mesmo tempo. Funcionou bem, né não?

    4) Que tal apostar em uma meia calça?

    Não é sempre que a meia calça fica bacana com nossos vestidos de verão, mas não custa nada tentar!

    Além de deixar a produção mais invernal, ela também esquenta nossas pernocas. Afinal, a gente quer sim usar os vestidos de verão no inverno, mas não queremos passar frio né mores, hahaha!

    5) Use uma blusa de manga longa por baixo do vestido

    Sobreposições com vestido estão super em alta, então não tenha medo de colocar uma camisa ou blusa por baixo do seu vestido. Eu usei esse truquinho em um SPFW e ficou incrível!

    Se você for mais ousada, inclusive, dá até pra misturar estampas. Aqui no Blah!Blog tem um post maravilhoso ensinando como fazer mix de estampas para iniciantes. Vale o clique!

    como usar vestido de verão no inverno tendência em acessórios - brinco de argola diferente

    As fotos são do Fernando Piovesan.

    CRÉDITOS DO LOOK

    – Vestido Avessa
    – Blusa Avessa
    – Bolsa Miroa
    – Sapato Território Nacional
    – Brinco Avessa

    COMPRE O LOOK

    * O Blah!Blog recebe um dinheirinho a cada clique que você dá na vitrine acima. E agrade muito!
  • 4 Dicas para ficar chique usando camiseta

    Nat Blima | 8 de junho de 2018

    Hoje vamos aprender algumas dicas pra ficar chique usando camiseta!

    Eu amo camiseta. Amo demais. Amo cada vez mais ♥

    Esse post é quase uma homenagem a esta peça tão versátil e necessária no meu nosso armário. Espero que depois de ler essas 4 maneiras de ficar chique usando camiseta você passe a olhar a peça com outros olhos e passe a enxergar todo o potencial que ela tem, hahaha!

    Como ficar chique usando camiseta

    Vamos combinar que, por mais que a gente ame, a camiseta não é lá a coisa mais chique do universo, né migs? Mas com alguns truquinhos é possível fazer a peça transitar em diversos ambientes com louvor. 

    O grande lance da glamourização da camiseta esta no que compõe o restante do look. Os complementos mais elaborados deixam nossa BBzinha chiquérrima. Oh só:

    1) Capriche no Make

    Na maioria das vezes que eu uso camiseta estou com um batonzão chamativo, de preferencia vermelho (que, pra mim, é a cor mais phyna, principalmente se for mais fechado como o batom Vic Ceridono para MAC).

    Uma make caprichada tem o poder de deixar qualquer look mais arrumadinho. E claro que isso não seria diferente com a tshirt!

    2) Use acessórios poderosos

    Uma camiseta com maxi colar, maxi brinco ou até mesmo com um bracelete fica instantaneamente mais requintada. O mesmo vale se você estiver com um sapato clássico, tipo um scarpin, ou uma bolsa mais estruturada.

    3) Faça um coque nesse cabelin

    APENAS FAÇA UM COQUE NESSE CABELINHO!

    Aliás, quando você quiser deixar qualquer look mais arrumado, faça um coque!

    4) Use com uma peça mais glamourosa ou estruturada

    Vale usar paetê, couro, alfaiataria, pelinhos, lurex, seda… Qualquer peça que pareça bem fina e primorosa.

    Nesse look que ilustra o post, quando eu colocava o casaco de pelinhos simplesmente parecia que eu estava usando outra produção. É incrível o que uma peça mais chiquetosa pode fazer pelo seu look.

    Aliás, as minhas favoritas nessa categoria – glamourizadora de look – são: Blazer, calça e colete de alfaiataria. Mas isso é assunto pra um outro post, né?

    As fotos são do Vinícius Cerchiari, fotógrafo maravilhoso que me fez ver Santo André com novos olhos. Vini, você vai loooooonge! Parabéns pelo trabalho!

    CRÉDITOS DO LOOK

    – Camiseta Coletivo Lírico
    – Mom Jeans Primark
    – Casaco de Pelinhos loja Sara da Oliveira Lima (veja o guia de lojas da Oliveira Lima)
    – Capa de Chuva Késttou
    – Galocha transparente Késttou 

    COMPRE O LOOK

    * O Blah!Blog recebe um dinheirinho a cada clique que você dá na vitrine acima. E agrade muito!
    __
    E você, como faz pra ficar chique usando camiseta?
  • 3 lições que eu aprendi com o livro “Estúpida, eu?” de Camila Coutinho

    Nat Blima | 17 de Maio de 2018

    O livro “Estúpida, eu?” de Camila Coutinho foi, sem sombra de dúvidas, o livro que li mais rápido na vida. Tirando, claro, aqueles livros que a gente é obrigada a ler na escola e eu sempre deixava pro último dia, hahaha!

    Essa informação significa 2 coisas:
    – O conteúdo é bom o suficiente e vale o tempo investido. Sou muito cautelosa com o tempo, pois o encaro como meu bem mais precioso. Não tenho problema nenhum em largar um livro pela metade, por exemplo.
    – Você não quer parar de ler. Camila Coutinho escreve de forma tão despretensiosa e ao mesmo tempo tão íntima! No fim das contas parece que você esta lendo o diário de uma amiga, repleto de dicas e histórias que a gente não conta pra qualquer um.

    Lições que aprendi com o livro “Estúpida, eu?”

    Eu não sou especialista em literatura, muito menos em resenha de livro. Então o objetivo do post é simplesmente contar pra vocês quais foram as lições pessoais que aprendi com o livro “Estúpida, eu?”. Bora lá?

    Lições que aprendi com o livro "Estúpida, eu?" de Camila Coutinho editora Intrínseca

    1) O networking talvez seja a coisa mais importante de todas

    Camis dedicou um capítulo inteiro de seu livro para falar sobre a importância do Networking. Deu exemplos bem pessoais e contou o que fez (e faz!) com cada contato que cruza seu caminho ou que lhe é apresentado. Admirei demais a postura dela e tenho certeza que vou reler esse capítulo várias vezes, já que concordo com cada vírgula escrita nele!

    Vou dar um exemplo muito prático sobre o Networking na minha vida: Conheci a Su Gargantini quando trabalhamos em um plataforma de blogs juntas (da qual ela era sócia). A plataforma acabou e alguns anos depois a Sú postou em seu Facebook que tinha espaço disponível para locação em seu escritório. Eu aluguei a mesa (é onde eu trabalho hoje). Trouxe a MINHA arquiteta (maneira carinhosa que eu chamo a Camila Stravalli) e minha amiga Ana, que é fotógrafa, pra cá. Apresentei o Shopping ABC como cliente pra SugarLAB (agência da Sú). A SugarLAB contratou a Strarq (empresa da Cá) para fazer o projeto de dia das mães do Shopping ABC. Strarq contratou a Ana para fazer fotos dos projetos que elas executaram. Conseguem perceber o tanto de conexões que podem sair de apenas um contato?

    Eu tenho um prazer enorme tanto em gerar conexões quanto em colher os benefícios dela, já que SugarLAB, Strarq e Ana me renderam ótimas oportunidades também ♥

    Atualmente eu venho valorizando cada vez mais as relações humanas e as pessoas em si. Os tipos de frutos que esses contatos rendem são os mais significativos pra mim a nível profissional e, principalmente, pessoal.

    2) Não há mais espaço para quem não é autêntico e verdadeiro (incluindo marcas!)

    Camis escreveu um parágrafo no livro que eu simplesmente amei (talvez seja o meu favorito!). Oh só:

    Quando todos começam a seguir o mesmo padrão, não há como evitar: fica chato! Aí o diferente volta a se destacar. Mais do que nunca é necessário se soltar, substituir o impecável pelo único e deixar a personalidade liderar a pauta, em qualquer que seja a rede social – o que é mais difícil do que parece, afinal seguir fórmulas pré-aprovadas é mais seguro do que se exibir totalmente #nofilter para o mundo.

    Quando vocês olham o Instagram, também tem a sensação de que todo mundo veste as mesmas roupas, frequenta os mesmos lugares, fazem e postam sobre as mesmas coisas e usam o mesmo preset do Lightroom?

    Eu, de uma maneira ou de outra, posso me incluir nesse balaio! Apesar de sempre ser bastante autêntica, eu não tinha ideia de que era isso que fazia as pessoas acompanharem o Blah!Blog. Então acabava achando que “o correto”, que “as boas práticas do mercado”, era fazer o que estava todo mundo fazendo (e que estava dando certo!).

    Sabe o que fez eu descobrir essa informação valiosíssima? Esse post aqui, onde eu pedi pra vocês escreverem o porquê de me seguirem. A MAIORIA ESMAGADORA DAS RESPOSTAS me disseram o que eu mais temia: Vocês me seguem por que eu sou eu. Simples assim!

    Lições do livro "Estúpida, eu?" de Camila Coutinho

    E por que eu temia isso? Bom, esse já é um tema um pouco mais complexo, talvez assunto pra um outro post… Mas basicamente porque eu não queria o peso da responsabilidade de ser referência. Olha só que coisa doida, hahaha!

    Depois de muito amadurecer este tema, cheguei à conclusão que não poderia existir motivo melhor para ser seguida. Afinal não tem coisa mais fácil pra mim do que ser eu mesma. Ser admirada por isso é um privilégio! Aliás, obrigada ♥

    3) No futuro só vai sobreviver quem produzir conteúdo útil

    Super conectada com a lição número dois, a três vem simplesmente consolidar uma coisa que a gente já sente. Hoje nosso tempo tá cada vez mais escasso e estamos cada vez mais exigentes. Sendo assim, influenciadores e marcas que ficam no superficial ou que abordam assuntos de importância social com a profundidade de um pires dificilmente vão sobreviver.

    As marcas neste momento querem se conectar não só com consumidores, mas com pessoas que compartilham de seus valores, princípios, estilo de vida etc. Razão pela qual os microinfluenciadores bem nichados estão conquistando o coração dos users de redes sociais e, consequentemente, do mercado.

    Como Camilinha disse: “Em um cenário tão dinâmico em que toda e qualquer pessoa é um novo concorrente em potencial, fotografar atravessando a rua para mostrar o look do dia já não é o bastante”, logo quem não souber se reinventar com bastante criatividade e AUTENTICIDADE vai deixar cada vez mais de ter relevância.
    __________________________

    No fim das contas me identifiquei com cada um dos 9 capítulo do livro “Estúpida, eu?” de Camila Coutinho. Principalmente porque compartilhamos a mesma profissão!

    Entretanto acredito que esta seja uma leitura pra todo mundo que:
    – se preocupa com a construção de uma boa carreira
    – goste de ler história de mulheres inspiradoras
    – saiba a importância de se reinventar e traçar novas estratégias
    – queira uma leitura leve e agregadora

    Se você já leu, conta pra mim aqui nos comentários o que achou? Para comprar, CLIQUE AQUI.